Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1068
Título: Cervicometria na gravidez : sua relevância na prevenção do parto pré-termo
Autor: Alves, Liliana Marisa Moreira
Palavras-chave: Parto pré-termo
Parto pré-termo - Diagnóstico
Cervicometria - Gravidez
Parto pré-termo - Colo curto
Parto pré-termo - Progesterona vaginal
Data de Defesa: Mai-2012
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: O parto pré-termo continua a ser a principal causa de mortalidade e morbilidade perinatal, apesar das melhorias na prevenção, no diagnóstico e no tratamento. Várias estratégias têm sido tentadas para diminuir a incidência de parto pré-termo mas, infelizmente, todas elas têm sido ineficazes. No entanto, a existência de uma relação inversa entre o comprimento do colo do útero em mulheres grávidas e o risco de parto pré-termo levou a que a Cervicometria (medição do comprimento cervical uterino) se tornasse o método de rastreio de risco de parto pré-termo mais consensualmente aceite. Neste contexto, a avaliação do colo do útero por ecografia transvaginal, entre as 22 e as 24 semanas de gestação, permite identificar as grávidas com alterações do comprimento (colos curtos <25mm e muito curtos <15mm), associadas a risco de parto pré-termo. A detecção destas grávidas com alto risco de parto pré-termo, permite aplicar medidas adequadas a evitá-lo, tais como a suplementação com Progesterona e a Ciclorrafia (Cérclage), e assim prevenir ou atrasar a ocorrência de parto pré-termo nas populações seleccionadas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1068
Aparece nas colecções:FCS - DCM | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LilianaAlves.pdf632,87 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.