Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1414
Título: Rigidez arterial : determinantes e efeitos/implicações na sensibilidade à resposta terapêutica com nitroprussiato de sódio
Autor: Costa, Ana Rita Pinto
Palavras-chave: Rigidez arterial
Rigidez arterial - Factores de risco
Rigidez arterial - Onda de pulso
Rigidez arterial - Disfunção endotelial
Rigidez arterial - Hipertensão arterial
Nitroprussiato de sódio - Factores de risco
Nitroprussiato de sódio - Aspectos terapêuticos
Data de Defesa: Mai-2013
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: No seguimento do trabalho: “Modelos Fisiológicos da Emergência Hipertensiva e Regurgitacão Mitral e sua Resposta à Terapia com Nitroprussiato de Sódio”, é proposto um estudo que permita compreender de que forma a rigidez arterial, iria afectar um sistema de administração automática de fármacos, neste caso em concreto, com o Nitroprussiato de Sódio. Estes sistemas de administração são de facto vantajosos, apesar da dificuldade que passa por integrar certos fatores, sejam eles da ordem de sintomatologia e parâmetros clínicos do paciente, quer da interpretação de exames auxiliares de diagnóstico. Fatores estes que requerem e dependem incomensuravelmente da avaliação de um médico. O presente trabalho tem como objetivo perceber de que modo as alterações da parede arterial, e especificamente, a rigidez arterial, vão afetar a resposta ao tratamento da hipertensão arterial. Pretende-se estudar qual a afeção a nível da dose inicial/basal de Nitroprussiato de Sódio, para além das diferenças interpessoais, e qual a sua implicação na prática clínica e nos sistemas de administração automática de fármacos. Espera-se compreender de que forma a rigidez arterial vai afetar a sensibilidade do nitroprussiato de sódio na redução da pressão arterial. Com este trabalho procuro ainda estudar quais as determinantes da rigidez e sua etiologia, fisiopatologia e consequências clínicas. É ainda relevante discernir de que forma a medição da velocidade de onda de pulso (Pulse Wave Velocity), vai permitir uma avaliação efetiva da rigidez arterial, de um modo simples, fiável e reproduzível. Sabendo-se atualmente que é possível prever o risco cardiovascular através da rigidez de artérias que possuam propriedades específicas, como o caso da Aorta. Desta forma, será realizada uma pesquisa/ revisão de literatura médica tendo como base os seguintes termos: arterial stiffness, Sodium Nitroprusside, Hypertension, Pulse wave velocity, cardiovascular risk. Esta pesquisa recorrerá essencialmente a noções de fisiologia, bases físicas em medicina, patologia médica, cardiologia, cuidados intensivos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1414
Aparece nas colecções:FCS - DCM | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Rita Costa.pdf781,86 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.