Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1456
Título: Prática de ensino supervisionada, geometria descritiva A 10º ano, oficina de artes 12º ano, aquisição de competências técnico-procedimentais, impacto na (re)-criação de imagens, em oficina de artes
Autor: Oliveira, David Pires
Palavras-chave: Artes visuais - Prática de ensino supervisionada
Artes visuais - Técnicas de expressão
Artes visuais - Estágio pedagógico
Geometria descritiva - Artes visuais
Oficina de artes
Educação artística - Relação pedagógica
Educação artística - Educação estética
Data de Defesa: Jun-2012
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: O propósito deste Relatório de Estágio corresponde à Prática de Ensino Supervisionada, desenvolvida na Escola Secundária Campos Melo, ao longo do ano letivo de 2011/2012, nas disciplinas de Oficina de Artes (12º ano) e de Geometria Descritiva (10º ano), pertencentes ao Curso científico-humanístico de Artes Visuais. A investigação, intitulada “Aquisição de competências técnico-procedimentais - Impacto na (re-)criação de imagens, em Oficina de Artes (12ºano)”, tem como objetivo principal constatar, averiguar, testar e conhecer as competências adquiridas nos anos anteriores e sua aplicação na disciplina de Oficina de Artes. Trata-se de uma investigação-ação em que a metodologia consiste na (re)criação de uma imagem, em três atividades distintas. Devem ser utilizados os elementos estruturantes da linguagem plástica (ponto, linha e textura). Os alunos, autonomamente, recorrem, demonstram e aplicam os conhecimentos adquiridos anteriormente, aperfeiçoando-os. O papel do professor estagiário consistiu em proporcionar e sugerir aos alunos, a diversificação tanto dos recursos como da aplicação de técnicas de expressão, perseguindo a novidade (entropia vs. enigma) e explorando o desconhecido (sintaxe e semântica). O autor deste relatório realizou uma pesquisa das competências que os alunos deveriam adquirir, analisando o funcionamento do currículo nacional e programas das disciplinas específicas do Curso Científico-Humanístico de Artes Visuais por se tratar de um ano terminal (12ºano) e para garantir a interdisciplinaridade. Esta análise constará na sua totalidade em apêndice. A observação realizada ao longo da evolução e execução das atividades, bem como a avaliação final, concluirão este capítulo. Esta investigação contém, ainda, uma breve pesquisa teórica de alguns conceitos considerados pertinentes para a prática da atividade programada no ensino das artes visuais, focados na perspetiva de ensino aprendizagem. Deste modo foi analisada a arte, o professor, a criatividade e a imagem no ensino, [capítulo II]. No terceiro capítulo, apresenta-se uma breve caracterização do meio, da escola, da turma com o qual foi desenvolvido o processo de investigação e de algumas atividades extracurriculares realizadas. No capítulo IV, é descrita a prática pedagógica desenvolvida e as metodologias usadas na procura das respostas às questões que originaram o motivo e interesse desta investigação. É ainda feita uma análise crítica das aulas desenvolvidas, da prestação do autor deste relatório durante as aulas assistidas e são apresentados também os recursos e técnicas de expressão utilizados pelos alunos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1456
Aparece nas colecções:FAL - DCA | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.