Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1689
Título: Protecção U. V. em tecidos de lã e mistos com nanopartículas de dióxido de titânio
Autor: Couto, Carla Alexandra Martins Mendes Valério do
Orientador: Belino, Nuno José Ramos
Neves, Jorge Reinaldo Oliveira
Palavras-chave: Tecidos de lã - Protecção ultravioleta - Nanopartículas de dióxido de titânio
Tecidos têxteis - Fotoamarelecimento
Tecidos têxteis - Fotoestabilidade
Tecidos têxteis - Nanoacabamento
Tecidos têxteis - Protecção ultravioleta
Data de Defesa: Jun-2010
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: Como consequência do aumento da radiação ultravioleta, em virtude da diminuição da camada de ozono, a protecção da radiação UV proporcionada pelos artigos têxteis é um aspecto que tem vindo a ser objecto de vários estudos e a ganhar uma importância crescente. É importante clarificar que neste trabalho o factor de protecção ultravioleta se debruça sobre o conceito UPF, ou seja, o factor de protecção solar quando aplicado em têxteis. O UPF é aplicável a tecidos protectores, roupas e outros acessórios de vestuário pessoal usados em contacto com a ou próximos da pele, não se aplicando à classificação de produtos que oferecem protecção distante da pele. Assim, o objectivo principal deste estudo é verificar a influência de um nanoacabamento com dióxido de titânio sobre o factor de protecção solar em tecidos de lã e mistos. Pretende-se, ainda verificar que o tratamento da lã com nanopartículas de dióxido de titânio pode ser eficiente para controlar a fotodegradação desta fibra e deste modo contribuir para a redução do amarelecimento e, consequentemente, da degradação dos próprios tecidos. A lã é uma das fibras mais utilizadas na indústria têxtil mas a sua fotoestabilidade é muito baixa. O fotoamarelecimento da lã é um sério problema para as indústrias que utilizam esta fibra. O presente estudo avaliou o papel do dióxido de titânio nanocristalino (P-25) no fotoamarelecimento da lã. As medições da diferença de cor mostraram que o dióxido de titânio pode efectivamente reduzir a taxa de amarelecimento da lã, e que uma maior concentração de TiO2 contribui para uma menor taxa de foto-oxidação e redução do fotoamarelecimento. Os resultados revelam que o nano TiO2 actua como um absorvedor de UV. As nano partículas de dióxido de titânio na superfície da lã absorvem os raios UV e dissipam a energia absorvida na forma de energia térmica, protegendo a lã da foto-oxidação e evitando a degradação da fibra. As imagens SEM comprovam a existência de partículas de dióxido de titânio na superfície da lã. Das amostras ensaiadas a que possui maior valor de UPF em cru é a amostra 100% lã. Após a aplicação do acabamento todas sofreram um aumento no valor do UPF, no entanto o nanoacabamento mostrou-se mais eficaz na protecção solar dos tecidos mistos do que no tecido 100% lã.
Due to the decrease in the ozone layer there has been an increase in UV radiation and so the protection from UV radiation in textiles articles is an issue that has been the focus of several studies, and gaining more importance. It´s important to clarify that in this work, the UV protection is related to the UPF concept, which is the solar protection factor when applied to textiles. The UPF is applicable to protective cloth; clothes and other accessories of clothing used in contac with or close to the skin and it is not applicable to the classification of products that offer distant protection of the skin. So, the main objective of this study is to verify the influence of a TiO2 nanofinishing in the solar protection factor of woolen and mixed cloths and also to verify that the treatment of wool with TiO2 can be efficient in controlling the photodegradation of this fiber and therefore contributing for the reduction of the yellowing and consequently the degradation of the cloth itself. Wool is one of the most used fibers in the textile industry but its photostability is very low. The photoyellowing of wool is a serious problem for the industries that use this fiber. The present study has evaluated the role of nanocrystaline TiO2 (P-25) in the photoyellowing of wool. The measurements in the difference of colour have shown that TiO2 can effectively reduce the photoyellowing rate of wool and that a bigger TiO2 concentration contributes to a lower photo-oxidation and the reduction of photoyellowing. The results have revealed that the nano TiO2 act as a UV absorber. As the nanoparticles on the surface of the wool absorb the UV rays and dissipate the absorbed energy in the form of thermic energy, protecting the wool from photo-oxidation and avoiding the degradation of the fiber. The SEM images prove the existence of TiO2 particles on surface of the wool. Considering the tested samples, the one which has the highest UPF value is the 100% wool. After the application of the finishing all of them have suffered an increase in the UPF value. Yet, the nanofinishing has proved to be more effective in the solar protection of mixed cloth than in the 100% wool cloth.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1689
Aparece nas colecções:FE - DCTT | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
capa carla couto.pdfCapa69,18 kBAdobe PDFVer/Abrir
TESE - VERSÃO 1000.pdfTese2,46 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.