Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1692
Título: Influência da estrutura de malha e do elastómero na compressão das malhas seamless
Autor: Leite, Duarte
Palavras-chave: Indústria têxtil - Malhas seamless
Indústria têxtil - Elastómeros
Indústria têxtil - Tecnologia seamless
Vestuário seamless - Elastómero - Compressão
Malhas seamless - Compressão
Industria têxtil - Malhas de compressão
Data de Defesa: Out-2011
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: A tecnologia seamless é um conceito inovador de produção de artigos têxteis baseados nas máquinas de produção de peúgas. Esta tecnologia possibilita a produção de artigos, sem costuras laterais, através de malhas tubulares produzidas com as dimensões, forma e desenhos pretendidos. É também possível, com esta tecnologia, a utilização de diferentes estruturas de malha e diferentes graus de aperto na mesma peça para modelar as formas corporais. Com este trabalho pretendem-se identificar quais as variáveis que maior influência podem ter na compressão das estruturas de malha seamless: estrutura da malha, elastómero e comprimento da laçada – com a finalidade de melhorar a concepção de artigos funcionais nas áreas de medicalwear, maternity, shapewear e sportswear. Para o efeito produziram-se cinco estruturas de malha com dois elastanos diferentes e três comprimentos de malha cada. Submeteram-se essas amostras a testes de tracção à rotura e fadiga dos tubos de malha directamente retirados do tear. Dos testes realizados e da análise efectuada verificou-se que malhas com elastanos de massa linear mais elevada e com estruturas envolvendo maior número de laçadas flutuantes na célula estrutural do ponto apresentaram uma maior resistência à tracção, resultando num efeito de compressão maior, e com um efeito contrário no alongamento. Das malhas ensaiadas a que apresentou valores mais elevados foi a estrutura baseada num rib 1x3 com laçadas flutuantes e com retenção, independentemente do elastano utilizado. Do ponto de vista da relação entre as variáveis em estudo e a força de rotura, que estará indirectamente associada ao efeito de compressão, embora se observe a existência de uma relação esta poderá não ser linear, uma vez que o teste ANOVA apenas revelou interacções estatisticamente significativas quando considerados dois factores de cada vez.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1692
Aparece nas colecções:FE - DCTT | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
capa.pdfCapa53,28 kBAdobe PDFVer/Abrir
Duarte-Vfinal.pdfTese7,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.