Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1819
Título: Anfitrião: sob a perspectiva de dois autores: Camões e Plauto
Autor: Cruz, Paula Cristina Lopes da
Palavras-chave: Teatro romano
Teatro grego
Luís Vaz de Camões
Plauto
Data de Defesa: 2010
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: Os mitos gregos estão ainda hoje por toda a parte. Estas narrativas perduram no tempo, fascinando não só poetas, como escritores ou cineastas. Como disse um dia Fernando Pessoa “O mito é o nada que é tudo”. E o mito de Anfitrião é um desses exemplos. Foram muitos os autores que nele pegaram e o adaptaram. De entre eles destaco Plauto e Camões. Os dois tiveram uma vida atribulada, de sacrifícios e se um conheceu a fama ainda em vida o outro só viu reconhecido o seu génio depois que morreu. Dos dois muito se pode dizer e ambos são estudados e investigados até aos dias de hoje. Plauto foi um génio no seu tempo e Camões é um cânone da literatura portuguesa. Em comum têm “Anfitrião”, uma peça teatral, cujas personagens continuam a fascinar até hoje. Falamos de deuses como Júpiter e Mercúrio, mas também de Anfitrião e de Sósia. Estes últimos perduram não só como personagens mas adquiriram um estatuto novo, passando a fazer parte do dicionário como substantivos comuns.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1819
Aparece nas colecções:FAL - DL | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Capa Dissertação.pdfCapa83,96 kBAdobe PDFVer/Abrir
Dissertação.pdfDissertação735,96 kBAdobe PDFVer/Abrir
UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR.pdfResumo149,78 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.