Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/1880
Título: Melhoria do desempenho de elementos estruturais em carroçarias de autocarros
Autor: Mendes, João Bruno Proença
Palavras-chave: Autocarro
Carroçaria
Data de Defesa: 2009
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: Cada vez é maior a preocupação dos construtores de veículos a motor pela segurança dos seus ocupantes. Se até há muito pouco tempo este tema era abordado apenas pelos construtores de veículos ligeiros ele começa agora a despontar o interesse dos construtores de autocarros. A segurança dos passageiros é determinante todavia não deve conduzir a espessuras mais elevadas dos materiais para cumprir a legislação em vigor, sendo necessário desenvolver estudos que visem optimizar as estruturas e/ou introduzir novos materiais. Neste contexto este trabalho tem como principal objectivo melhorar a compreensão do comportamento estático das diversas tipologias de estruturas tubulares passíveis de ser aplicadas à carroçaria dos autocarros. Foram também encontrados alguns valores para os factores de concentrações de tensões em função das várias geometrias tubulares estudadas e sujeitas aos carregamentos: axial, flexão no plano e torção. Estes valores, meramente indicativos, ilustram a magnitude das tensões críticas nas juntas. Efectuouse também um estudo do efeito do comprimento dos perfis nos valores de tendo-se observado que quanto maior for o comprimento do chord, para um valor constante do brace, maior é o factor de concentração de tensões e que este não sofre qualquer alteração com o valor do comprimento do brace. Finalmente efectuou-se um estudo comparativo entre vários materiais de onde se verificou que a substituição do tradicional St 37 por um aço de elevada resistência (Docol 1000) aumentava em 65.5% a resistência mecânica da estrutura tubular.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/1880
Aparece nas colecções:FE - DEE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Abstract.pdfAbstract70,76 kBAdobe PDFVer/Abrir
Agradecimentos.pdfAgradecimentos7,84 kBAdobe PDFVer/Abrir
Bibliografia.pdfBibliografia83,65 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPA.pdfCapa78,09 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPA_INTERIOR.pdfCapa_interior82 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPITULO_1.pdfCapitulo_1418,46 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPITULO_2.pdfCapitulo_2336,52 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPITULO_3.pdfCapitulo_3569,02 kBAdobe PDFVer/Abrir
CAPITULO_4.pdfCapitulo_412,79 kBAdobe PDFVer/Abrir
Indice de Figuras.pdfIndice figuras73,38 kBAdobe PDFVer/Abrir
Indice de tabelas.pdfIndice tabelas72,56 kBAdobe PDFVer/Abrir
Indice Geral.pdfIndice geral73,74 kBAdobe PDFVer/Abrir
INTRODUÇÃO.pdfIntrodução76,01 kBAdobe PDFVer/Abrir
Nomenclatura.pdfNomenclatura72,41 kBAdobe PDFVer/Abrir
Resumo.pdfResumo70,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.