Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2095
Título: As TIC no ensino-aprendizagem das línguas: relatório de estágio
Autor: Luciano, Mariela da Silva
Palavras-chave: Tecnologias de informação e comunicação
Ensino-aprendizagem
Data de Defesa: Jun-2011
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: O presente trabalho tem como principal objectivo fazer um estudo sobre a importância das Tecnologias da Informação e Comunicação no ensino-aprendizagem das línguas. A primeira parte aborta a importância das TIC na aula de línguas. Isto deve-se ao facto de vivermos numa sociedade da informação, onde a mesma circula de forma rápida, ao contrário do que sucedia há alguns anos atrás. Vivemos numa sociedade caracterizada pelo constante recurso e fácil acesso aos computadores, à informação, uma sociedade onde a aprendizagem é contínua. Por isso, torna-se fundamental incutir nos alunos a habilidade de “aprender a aprender”. É de extrema importância que os alunos desenvolvam esta capacidade de aprender e adaptar-se à sociedade actual, regida pela informação e pelo conhecimento. A informação chega-nos hoje de um modo bastante acessível, porém, nem tudo o que nos chega tem qualidade. Daí ser importante que a escola forme os alunos para que estes consigam aceder e dar sentido a toda a informação que recebem, e lhes proporcione capacidades e estratégias de aprendizagem que lhes permita uma assimilação crítica dessa informação. Temos de reconhecer que as novas tecnologias trazem grandes benefícios, tanto a nível pedagógico como cultural, a todos aqueles que as utilizam correctamente. Tudo isto torna-se bastante útil na hora de ensinar uma língua estrangeira. Graças aos diversos recursos, o aluno poderá ter um contacto mais directo com a língua estudada. Cabe ainda acrescentar que uma grande percentagem de alunos utiliza as novas tecnologias fora das aulas, seja para pesquisar informação, seja para comunicar. Por esse motivo, acredito que é bastante proveitoso utilizar essas mesmas tecnologias, já tão familiares para os nossos alunos, em contexto de sala de aula. Utilizadas da melhor maneira, conseguiremos obter bons resultados e criar novos ambientes no ensino-aprendizagem, tornando as aulas mais motivadoras, mais lúdicas e interactivas para os alunos. A segunda parte do trabalho incide sobre a presença das TIC nos manuais escolares de Espanhol. Sendo o manual o instrumento mais utilizado pelo professor, este deverá acompanhar a evolução e abranger as TIC, de modo a incentivar e motivar alunos e professores no processo de ensinoaprendizagem A última parte do trabalho foi dedicada à caracterização do estágio pedagógico feito na Escola Secundária de Luís de Freitas Branco, em articulação com a Universidade da BeiraInterior. Neste ponto debrucei-me, principalmente, sobre a caracterização da escola e dasturmas, reflectindo sobre a pertinência e importância das actividades organizadas e desenvolvidas no âmbito do Espanhol. São abordadas, também, as aulas assistidas, a sua planificação e execução, bem como a apresentação de una unidade didáctica planificada.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2095
Aparece nas colecções:FAL - DL | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
As TIC no Ensino-Aprendizagem das Línguas.pdfDissertação23,53 MBAdobe PDFVer/Abrir
Anexos.pdfAnexos17,83 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.