Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2276
Título: Área de secção transversal oposta ao deslocamento em nadadores: a aplicação da equação de clarys numa amostra de nadadores portugueses
Autor: Cirne, André Barão
Orientador: Marinho, Daniel
Palavras-chave: Arrasto hidrodinâmico
Natação
Data de Defesa: 2010
Resumo: O presente estudo, pretendeu determinar e comparar a área de secção transversal de nadadores de ambos os sexos e de diferentes escalões etários através da metodologia de “planimetry”, comparando-os depois com os valores obtidos através do cálculo pela equação de Clarys (Clarys, 1978). A amostra foi constituída por trinta e nove atletas do sexo masculino e feminino, que constituíram as respectivas equipas de dois clubes (Clube Desportivo Estarreja e Clube Desportivo Campinho) da Associação de Natação de Aveiro (ANA) na época 2009/2010, associação esta que integra a Federação Portuguesa de Natação (FPN). Para podermos colocar em prática o nosso estudo, contactámos os clubes em causa e junto dos atletas que integram a nossa amostra realizámos a recolha de dados relativos a: Sexo, Idade, Escalão etário, Massa Corporal e Estatura. As principais conclusões do estudo foram: - Existem diferenças entre os nadadores masculinos e femininos na área de secção transversal oposta ao deslocamento, apresentando os nadadores do sexo masculino valores mais elevados, utilizando ambas as metodologias de cálculo desta variável. - Existem diferenças entre os nadadores de diferentes escalões etários na área de secção transversal oposta ao deslocamento, apresentando os nadadores com mais idade valores mais elevados, utilizando ambas as metodologias de cálculo desta variável. - Não existem diferenças na determinação da área de secção transversal utilizando a equação de Clarys (1978) e a técnica de “planimetry”, quando considerada a amostra global e quando a mesma é dividida por sexo ou por escalão etário. - A equação de Clarys (1978) parece continuar a ser uma técnica válida para a determinação da área de secção transversal dos nadadores, pelo que pode ser um instrumento bastante útil para a comunidade técnico-científica ligada à natação.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2276
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Ciências do Desporto, 2º Ciclo de estudos
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Área de Secção Transversal Oposta ao Deslocamento em Nadadores - André Cirne[1].pdf441,06 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.