Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2279
Título: Relatório final de estágio pedagógico
Autor: Araújo, Carlos Miguel Miranda Ribeiro de
Orientador: Martins, Júlio Manuel Cardoso
Palavras-chave: Educação física
Data de Defesa: 2010
Resumo: O desporto, e a actividade física a si associada, é um dos fenómenos sociais conciliadores da estratificação de classes presentes em qualquer sociedade. Um ditado popular diz-nos que “um homem pode mudar de partido, emprego ou mesmo de mulher, mas nunca muda de Clube”. Sem querer entrar numa larga discussão sobre a pertinência desta afirmação, ela apenas deve ilustrar a importância que o desporto representa para a sociedade em geral, independentemente do seu género, do seu estrato social ou das suas crenças. Num contexto social, devemos reflectir sobre quais as implicações que o desporto tem nos indivíduos que com ele se relaciona. “Mente sã em corpo são” é uma velha afirmação para a necessidade da prática desportiva. Nas sociedades actuais, o papel do desporto ganha uma importância fundamental (inclusão social, obesidade). A educação física leccionada nas escolas é também um importantíssimo vector da educação. No processo de ensino - aprendizagem, a educação física pode contribuir para um desenvolvimento mais coerente da formação da personalidade. A tomada de riscos, decisões e espírito de equipa são uma constante na prática de qualquer modalidade desportiva e podem privilegiar a aquisição comportamentos/competências que permitam um desenvolvimento das capacidades de interacção social na criança ou adolescente. A natureza mais lúdica e a interacção que o desporto proporciona pode permitir que adquira um poder muito forte junto dos sistemas sócios – culturais. Também no mundo empresarial o desporto já é reconhecido como um instrumento de aquisição e treino de competências organizacionais que posteriormente poderão ser transferidas para o contexto de trabalho, por outras palavras o desporto é já um instrumento de coaching2. Assim, os processos de formação contínua para os seus quadros ganham cada vez mais aceitação pela comparação psicológica permitida em relação aos processos de gestão e tomada de decisões de alto risco, dando como exemplo a formação de competências organizacionais em meio outdoor e recorrendo a actividades desportivas tanto em voga nos dias de hoje. [...]
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2279
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Ensino de Educação Física no 2º e 3º Ciclo
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.