Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2576
Título: Representações da saúde mental: a perspectiva de duas gerações
Autor: Gouveia, Rita Alexandra da Costa
Orientador: Branco, Maria Luísa
Palavras-chave: Saúde mental
Representações sociais
Data de Defesa: 2010
Resumo: O presente estudo pretende dar um contributo para uma reflexão em torno das representações da Saúde Mental, nomeadamente acerca da existência ou não de evolução, dado o impacto que tais representações têm na vida do doente mental e seus familiares. Para tal, procedeu-se à análise e comparação da opinião de sujeitos pertencentes a 2 gerações distintas, familiares de pacientes acompanhados na consulta externa de Psicologia do Hospital Garcia de Orta, face à saúde mental. Para a sua concretização e assumindo um carácter qualitativo, a informação foi recolhida por meio de entrevistas semi-estruturadas, que foram posteriormente analisadas com recurso à análise de conteúdo. Os resultados obtidos revelam que a pessoa portadora de perturbação psiquiátrica, mediante crenças erróneas, medo e falta de conhecimento acerca das doenças mentais por parte da sociedade, continua a ser estigmatizada e discriminada, o que vai de encontro à informação presente e consultada na literatura, concluindo-se que não tem havido evolução significativa na representação da Saúde Mental.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2576
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Psicologia, na área Clínica e da Saúde
Aparece nas colecções:FCSH - DPE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CAPA .pdf160,54 kBAdobe PDFVer/Abrir
MRC - FINAL.pdf505,45 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.