Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2663
Título: Qualidade do sono, saúde e estilos de vida: estudo com a população activa portuguesa
Autor: Talhada, Liliana Catarina Rua Matos
Orientador: Maia, Luís
Palavras-chave: Perturbações do sono
Qualidade do sono
Data de Defesa: 2012
Resumo: O sono, essencial para a sobrevivência, é uma necessidade biológica crucial para todos os indivíduos, sendo o restaurador a nível físico e mental. Contudo, a privação do sono conduz a alterações comportamentais e fisiológicas que podem colocar a vida em risco. Este estudo tem como proncipal objectivo analisar a qualidade do sono da população activa e, através de objectivos específicos, avaliar as alterações do sono em função da saúde física, saúde mental e de alguns estilos de vida. Para tal, foram utilizados o Índice de Qualidade de Sono de Pittsburg, o Questionário de 90 Sintomas e o Inventário de Avaliação Clínica da Depressão, aplicados a 300 participantes (142 do sexo masculino e 158 do sexo feminino) com idades compreendidas entre os 25 e os 65 anos. Os resultados indicaram que são as mulheres e os que apresentam baixo estatuto socioeconómico aqueles que apresentaram pior qualidade do sono. Além disso, a presença de doença a nível físico e o excesso de peso encontraram-se fortemente associadas a uma pior qualidade do sono. Os resultados também permitiram inferir uma associação entre a qualidade do sono e os níveis de saúde mental, onde os participantes com má qualidade do sono apresentaram indicadores de sintomas psicopatológicos mais elevados, sendo estes resultados válidos para cada dimensão sintomática avaliada. Ao especificar a variável depressão, os resultados apontaram que a presença desta perturbação se encontrou fortemente associada com a pior qualidade do sono. Sendo assim, torna-se importante a implementação de programas de prevenção, promoção que compreenda as regras básicas para uma melhor qualidade de sono, bem como o tratamento das perturbações do sono de forma a minimizar as consequências que estas acarretam.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2663
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde
Aparece nas colecções:FCSH - DPE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Capa.pdf1,31 MBAdobe PDFVer/Abrir
Dissertação.pdf780,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.