Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2782
Título: Descoloração de corantes azo em reactores anaeróbios termófilos
Autor: Baía, Ana Isabel Batista da Mota
Orientador: Gonçalves, Isolina Maria Silva Cabral
Palavras-chave: Industria têxtil - Efluentes
Corantes azo
Data de Defesa: 2008
Resumo: O presente trabalho centra-se no desempenho dos reactores termófilos no tratamento de efluente têxtil simulado. Foi avaliada a influência de um bioadsorvente (dreche) na descoloração anaeróbia de corantes azo. Dois reactores UASB operaram a uma temperatura de 55 ± 2ºC, com um tempo de retenção hidráulico de 7 horas, alimentados com glucose, o substrato. O reactor termófilo, RT, foi inoculado com biomassa anaeróbia mista e no outro foi incorporada dreche, RT-DC, na razão de 1:4 bioadsorvente / biomassa anaeróbia mista (v/v). Os resultados indicam, no global, uma melhor performance para o RT-DC relativamente ao RT. Em média a taxa de remoção de CQO foi de 3,8 ± 1,6 e de 4,3 ± 1,7 g CQO removido/L.d, para uma concentração de corante de 60 mg/L, no RT e RT-DC respectivamente. A percentagem de remoção de cor foi, para o corante Reactive Orange 16, de 76 ± 1% no RT e para o corante Acid Orange 7 foi de 81 ± 1% no RT-DC. Embora se tenham obtido bons resultados foi registada alguma instabilidade no sistema, causada sobretudo por variações no caudal e no pH de alimentação, conduzindo a um decréscimo na taxa de remoção de CQO. Ambos os corantes foram removidos, contudo algumas aminas aromáticas geradas como metabolitos anaeróbios continuam presentes na descarga dos reactores. Estes resultados foram confirmados através de espectros de UV-visível. A presença da dreche no RT-DC parece também contribuir para a eliminação de, pelo menos, um dos metabolitos do AO7, o 1-amino-naftol, pois não foi detectada a sua presença nos cromatogramas de HPLC. Sob condições termófilas o agente liposomal (fosfolípidos) foi testado como alternativa de co-substrato à glucose. Em ambos os reactores registaram-se aumentos das taxas de remoção de CQO e de remoção de cor. A integração do adsorvente anaeróbio no reactor (RT-DC) parece contribuir para um aumento dos parâmetros de eficiência, tais como CQO, COT e remoção da cor. Assim, a dreche (um resíduo da indústria cervejeira) pode ser aplicada na condição de agente modificador e adsorvente em reactores anaeróbios, representando um papel importante na performance do sistema. Seria importante a realização de estudos complementares neste tipo de degradação, para se compreender melhor a descoloração anaeróbia nestas circunstâncias
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2782
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Químical
Aparece nas colecções:FC - DQ | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
dissertação_final).pdf669,4 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.