Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/2806
Título: Desemprego juvenil: o contributo dos cursos profissionais na reconstrução das trajectórias socioprofissionais dos jovens
Autor: Gonçalves, Sílvia Martins Casimiro Gonçalves
Orientador: Augusto, Nuno Miguel Cavaca
Palavras-chave: Cursos técnico profissionais - Inserção profissional
Jovens - Mercado de trabalho
Data de Defesa: 2011
Resumo: A presente dissertação aborda o tema do desemprego nos jovens, e em particular o contributo dos cursos técnico-profissionais na reconstrução dos percursos socioprofissionais dos jovens. Sendo esta época marcada pelo emprego, o grande motor da integração social, e sendo este conseguido através de uma formação académica sólida e diversificada, é pertinente saber em que medida os cursos profissionais permitem uma melhor inserção profissional e social dos jovens, num país caracterizado pelas elevadas taxas de abandono e insucesso escolar e por um mercado de trabalho muito exigente e pouco competitivo. Vários autores aqui referidos defendem que os cursos profissionais pouco contribuem para favorecer a inserção socioprofissional dos jovens, por estes serem frequentados apenas pelos jovens provenientes das classes sociais mais desfavorecidas, por serem desprestigiantes e por não estarem adequados ao mercado de trabalho, continuando assim a reproduzir casos de exclusão social. No entanto, o contexto socioeconómico do país alterou-se consideravelmente nestes últimos anos, e os cursos superiores já não são sinónimo de emprego, tendo levado alguns jovens a optar por um ensino mais profissionalizante e mais próximo do mercado de trabalho, pelo que o papel dos cursos profissionais pode ter agora um peso mais significativo. É para tentar perceber estes fenómenos que se realizou um estudo metodológico qualitativo, através de entrevistas semi-directivas, direccionadas ao director, professores e alunos da escola profissional de Bragança, assim como aos empregadores que estabelecem parceria com esta escola, ao facultar-lhes estágios curriculares. Pretende-se saber quem são os alunos que frequentam esta escola, os motivos que os levaram a optar por esta via de ensino, quais as expectativas que têm do curso e da escola em geral, e quais as suas aspirações futuras. Também se pretende conhecer o currículo destes cursos, como os professores preparam os alunos para o mercado de trabalho e para a construção das suas trajectórias socioprofissionais, e qual a relação que a escola estabelece com as empresas, no sentido de promover a inserção laboral dos seus alunos. Ainda que a investigação esteja centrada nos cursos profissionais, não deixa de fazer a triangulação entre a escola, o mercado de trabalho e o Estado, para melhor compreender as causas do desemprego juvenil e consequentemente do risco de exclusão social de muitos jovens, em especial daqueles que provêm de meios sociais desfavoráveis, e apontar possíveis soluções.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/2806
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Sociologia : Exclusões e Políticas Sociais
Aparece nas colecções:FCSH - DS | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de mestrado - Silvia Gonçalves.pdf4,9 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.