Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3016
Título: Análise de riscos do trabalho ou actividade nas consultas externas do Hospital Pêro da Covilhã: avaliação de riscos através duma metodologia de análise ergonómica, adaptando e aplicando o método FMEA
Autor: Cruz, Bruno Paulo Oliveira
Orientador: Nunes, António João
Palavras-chave: Serviços de saúde -- Análise do risco
Serviços de saúde -- Ergonomia
Data de Defesa: 2011
Resumo: Nos dias de hoje, a procura de uma qualidade cada vez maior, tentando ao mesmo tempo diminuir os custos, tornou-se uma preocupação constante para a maioria das organizações. Para que esta procura seja bem sucedida, é necessário planear com antecedência e prever a ocorrência de acontecimentos que possam diminuir a qualidade e aumentar os custos. O método FMEA (Failure Mode and Effects Analysis), dá-nos a possibilidade de avaliar qualitativamente os riscos, podendo inclusive prevenir o aparecimento de alguns deles. O tema escolhido para este projecto tem a ver com uma problemática bastante actual e com grande relevância, pois actualmente ainda existem muitos Serviços e Unidades de Saúde que não têm em linha de conta as questões de ergonomia, sendo que a adequação do ambiente físico do trabalho ao trabalhador quase não existe. Neste projecto para além das questões relacionadas com a ergonomia, deu-se também muito destaque à ferramenta FMEA, a qual foi adaptada para a análise ergonómica aqui realizada. Foram abordados os princípios teóricos do FMEA, assim como as fases do seu desenvolvimento e os campos de aplicação. O presente projecto é predominantemente qualitativo e pretende efectuar uma análise dos riscos do trabalho ou actividade, fazendo uso de uma metodologia de análise ergonómica, desenvolvendo-se essencialmente tendo por base as respostas obtidas através de entrevistas escritas, efectuadas aos colaboradores dos secretariados de consultas externas que fazem parte do estudo. Estas entrevistas constituíram elementos auxiliares para a selecção dos riscos ou modos de falha que serviram de base à aplicação do método FMEA. Cada um dos modos de falha que constam das fichas FMEA, foram classificados com um índice de Gravidade, Ocorrência e Ergonomia e o produto da multiplicação destes valores deu-nos um valor de RPN (Risk Priority Number). A metodologia do RPN, é uma técnica para analisar o risco associado com potenciais problemas identificados durante a FMEA. Por fim, importa referir que a análise dos riscos do trabalho ou actividade, através de uma metodologia de análise ergonómica e a aplicação dos seus métodos, poderão dar um grande contributo na detecção de falhas ergonómicas e fornecimento de sugestões de melhoria.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3016
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Gestão de Unidades de Saúde
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Análise de riscos do trabalho ou actividade nas Consultas Externas do Hospital Pêro da Covilhã.pdf1,76 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.