Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3042
Título: Efeitos da liderança na melhoria da qualidade dos cuidados de enfermagem
Autor: Fradique, Maria de Jesus José Gil
Orientador: Mendes, Luís António Fonseca
Palavras-chave: Cuidados de enfermagem - Qualidade
Liderança - Enfermagem
Data de Defesa: 2012
Resumo: O desenvolvimento de sistemas de qualidade em saúde, de acordo com o Conselho de Enfermagem da Ordem dos Enfermeiros Portugueses, é uma acção prioritária e os enfermeiros assumem um papel fundamental na definição de padrões de qualidade dos cuidados prestados. Alias, os enfermeiros correspondem ao maior grupo profissional dentro das organizações de saúde e a comunidade espera destes que os cuidados prestados sejam de qualidade. Neste contexto, as organizações de saúde devem promover um ambiente favorecedor do desenvolvimento profissional dos enfermeiros com vista ao empenhamento destes em prol da qualidade dos cuidados prestados aos utentes. Em contextos de melhoria da qualidade, é geralmente reconhecida a importância do factor liderança, que nos modelos de excelência assume inclusivamente um papel de destaque. No entanto, em termos de investigação, a significância dessa relação continua carecendo de suficiente comprovação empírica, principalmente no sector da saúde, sendo que a escassez de investigação relativamente à influência da liderança na melhoria da qualidade dos cuidados de saúde é uma realidade. Neste sentido, pretendeu-se com a elaboração deste estudo, investigar até que ponto a liderança em enfermagem, percepcionada pelos enfermeiros, influencia a melhoria da qualidade dos cuidados de enfermagem. Para o efeito, considerou-se liderança em enfermagem como uma variável multidimensional [i) Reconhecimento, ii) Desenvolvimento da equipa, iii) Comunicação e iv) Inovação] e a melhoria da qualidade dos cuidados de enfermagem baseou-se nos padrões da qualidade emanados pela Ordem dos Enfermeiros. A recolha de dados foi efectuada através de um questionário aplicado aos enfermeiros da ULS EPE (Unidade Local Saúde, Empresa Pública Empresarial) de Castelo Branco e foi realizada entre Agosto e Outubro de 2011. Foram inquiridos 283 enfermeiros colaboradores, dos quais foram recebidos 184 questionários correspondendo a uma taxa de resposta de 65,02%. Os resultados da investigação, obtidos através da análise de equações estruturais (AEE), sugerem claramente que a liderança em enfermagem influência directa e significativamente a qualidade dos cuidados de enfermagem, reforçando um vasto conjunto de ideias veiculadas ao longo de toda a literatura que sugerem a pertinência dessa relação, mas que carecia de comprovação empírica, sobretudo no contexto Português.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3042
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Gestão de Unidades de Saúde
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO.pdf1,02 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.