Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3045
Título: Estudo das fontes de informação e de conhecimento na inovação organizacional: evidências empíricas nas empresas portuguesas
Autor: Simão, Maria de Lurdes Barroso
Orientador: Madeira, Maria José Aguilar
Palavras-chave: Inovação organizacional
Inovação organizacional - Fontes de informação
Data de Defesa: 2012
Resumo: No mundo contemporâneo, caracterizado pela aceleração do ritmo das mudanças e crescente complexidade e incerteza, a capacidade das empresas para se adaptarem ao seu ambiente externo e para manterem a competitividade, está intimamente relacionada com a sua capacidade de inovar e atualizar continuamente as suas bases de conhecimentos mas, a decisão sobre quais as informações que devem ser utilizadas e as que devem ser ignoradas tornou-se mais complicada. A presente investigação tem como objetivo identificar e analisar as fontes de informação e de conhecimento, determinantes, da inovação organizacional das empresas, centrando-se a sua análise no estudo de empresas industriais, comerciais e de serviços, localizadas no território português, ao longo do período 2006-2008. Para testar empiricamente as hipóteses em investigação, os dados secundários foram obtidos através do CIS 2008 - Inquérito Comunitário à Inovação 2008, sob coordenação do EUROSTAT, disponibilizados pelo Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais/Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Tendo em consideração a complexidade do fenómeno, aplicaram-se os modelos de regressão logística para identificar as fontes de informação e de conhecimento, na inovação organizacional das empresas. Os resultados obtidos mostram que as fontes de informação e de conhecimento têm um impacto positivo na inovação organizacional, nas empresas portuguesas, durante o período de 2006 a 2008. Constata-se que as fontes internas; os consultores, laboratórios ou instituições privadas de investigação e desenvolvimento; as universidades ou outras instituições de ensino superior; e as revistas científicas e publicações técnicas/profissionais/comerciais, influenciam a inovação organizacional. Os resultados também evidenciam que, na inovação organizacional, as fontes de informação e de conhecimento variam ligeiramente de acordo com o setor de atividade, concretamente os clientes ou consumidores, influenciam superiormente a inovação organizacional nos serviços.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3045
Designação: Dissertação apresentada á Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Gestão
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Estudo das Fontes de Informação e de Conhecimento na Inovação Organizacional.pdf668,68 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.