Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3064
Título: Os interesses público e privado na decisão do gestor público: o caso da Universidade da Beira Interior
Autor: Neves, Maria Manuela Garcia dos Remédios Vaz de Almeida Fontes
Orientador: Ferreira, João José de Matos
Palavras-chave: Administração pública - Interesse público
Stakeholders - Ensino superior público
Data de Defesa: 2012
Resumo: Partindo do princípio constitucional da prossecução do interesse público (artigo 268º da Constituição da República Portuguesa), o presente trabalho de investigação tem por objetivo saber de que forma o gestor público de uma Instituição de Ensino Superior (IES), na prossecução da missão da sua organização, pondera, na prática, os direitos e interesses privados, isto é, dos stakeholders da sua organização. Para ir ao encontro deste objetivo foram utilizados métodos quantitativos, através do software SPSS e métodos qualitativos, com apoio do software WebQDA, com o intuito de fazer a triangulação da perceção da gestão de topo com a perceção dos stakeholders internos (docentes, estudantes e funcionários), aferindo-se, por um lado, se o gestor da UBI, na tomada de decisão, envolve os stakeholders, ponderando os seus interesses através da promoção de mecanismos de Informação, Consulta e Participação e, por outro, saber até que ponto esses stakeholders percecionam a sua Informação, Consulta e Participação, para a tomada de decisão. O estudo conclui que, para além da estrutura legal para os órgãos das IES, proposta pelo Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior (RJIES), aprovado pela Lei nº 62/2007, de 10 de Setembro, onde se prevê a representação dos stakeholders em análise, tanto a Universidade da Beira Interior como as suas Faculdades, em geral, têm trilhado um caminho de abertura e, tem vindo a implementar mecanismos de Informação, de Consulta e Participação sugeridos pelas auditorias de qualidade da EUA. Os resultados revelam que, embora o foco da sua gestão seja o grupo de stakeholders Estudantes, aqueles percecionam baixos níveis de participação na tomada de decisão e, na prática, o que acontece é que a gestão está focalizada nos Docentes. Em relação aos Funcionários constata-se que não sendo alvo de especiais medidas de Participação, para além do sistema de gestão de informação GDUBI, beneficiam das medidas implementadas para os outros grupos de stakeholders.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3064
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de Mestre em Gestão
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Manuela_Fontes_Neves.pdf2,37 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.