Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3135
Título: Solução de habitação evolutiva-adaptável : proposta de sistema modular flexível
Autor: Caetano, Daniel Amaro
Orientador: Lanzinha, João Carlos Gonçalves
Palavras-chave: Sistema modular flexível - Habitação
Habitação unifamiliar - Sistema modular flexível
Habitação flexível - Tipologia
Habitação flexível - Funcionalidade
Habitação flexível - Evolução - Adaptabilidade
Data de Defesa: 2013
Resumo: Cada vez mais é comum as famílias contemporâneas quererem um espaço habitacional que, além de atender às suas condições sócio culturais e económicas, seja capaz de responder às suas necessidades habitacionais, sujeito a novas mudanças ao longo do tempo, sem grandes custos e adaptando-se a novas funcionalidades. Este é um dos grandes desafios para os arquitectos, a habitação evolutiva e adaptável, que permite alterar os usos dentro dela, ocupá-la de maneira variada ao longo do tempo, “transformá-la” em função das necessidades actuais ou futuras dos utilizadores. Uma habitação onde a evolução e a adaptabilidade habitacional definem uma área com o propósito de recriar um abrigo humano que seja e faça parte da nossa identidade e, também da envolvente do meio que nos rodeia. Neste sentido é necessário pensar a arquitectura ligada à habitação como um “organismo” aberto à mudança, consequentemente adaptável a uma maior diversidade sócio-cultural e mais duradoura. Neste sentido a dissertação aborda o tema da evolução e adaptabilidade habitacional no contexto da habitação unifamiliar, através da flexibilidade e estratégias que possibilitam “repensar conceptualmente a habitação, incorporando a ideia de habitação como processo, como sistema aberto e vivo, que deve poder evoluir e adaptar-se a grupos familiares, também vivos e diversos, em oposição à ideia construída da habitação como produto acabado e cristalizado”1. Isto quer dizer que uma habitação não se desenvolve numa planta, nem num alçado terminado, mas de acordo com um conjunto de regras que, a partir de uma semelhança comum, um núcleo inicial, oferece múltiplas direcções de crescimento para um número indeterminado de variantes possíveis, completada com as principais exigências normativas actuais, assim como também seguindo critérios de flexibilidade. Desta maneira, não só a planta pode ser flexível, mas o volume da habitação em si, entendido desde o momento da sua concepção até à sua fase final de construção, passando por um conjunto de possíveis etapas interditas. Propõe-se desenvolver um sistema modular flexível para habitação unifamiliar através de um conjunto de hipóteses habitacionais evolutivas, que se podem adaptar durante a sua vida útil às necessidades dos seus utilizadores. Desta forma cada pessoa pode ampliar ou mesmo propor novas funções à sua habitação em função das suas necessidades e de acordo com as várias possibilidades que o projecto oferece.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3135
Designação: Mestrado em Arquitectura
Aparece nas colecções:FE - DECA | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Solução de habitação evolutiva.pdfDocumento principal5,04 MBAdobe PDFVer/Abrir
Desenhos Técnicos.zipAnexos6,08 MBZipVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.