Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3154
Título: Certificação: motivações, implementação e benefícios percebidos nos serviços: um estudo de caso no sector hoteleiro
Autor: Safrão, Anabela Ernesto Mendes
Orientador: Mendes, Luís António Fonseca
Palavras-chave: Sistema de gestão da qualidade
Sistema de gestão da qualidade - Implementação
Gestão da qualidade - Hotéis
Certificação da qualidade - Normas ISO 9000
Data de Defesa: 2010
Resumo: A presente investigação tem como objectivo estudar a aplicação das normas ISO 9000 nos Serviços. Mais precisamente, o estudo centrou-se na compreensão dos motivos que levam as organizações do sector Hoteleiro a apostarem no desenvolvimento e implementação de sistemas de gestão de qualidade (SGQ). Ademais, procurámos analisar a sua certificação e identificar os principais benefícios alcançados, principalmente ao nível da satisfação e lealdade dos clientes. Assim, procurou-se (i) perceber por que razão as empresas no ramo Hoteleiro apostam na certificação; se por motivos de ordem comercial, ou se procuram sobretudo melhorar a eficiência e eficácia dos seus sistemas internos, e (ii) se a implementação de SGQ e respectiva certificação contribui positivamente para a melhoria do desempenho das empresas no sector Hoteleiros e para a satisfação dos seus clientes. Atendendo à natureza dos objectivos propostos, optou-se por desenvolver a investigação através da condução de um estudo de caso efectuado no Hotel Tivoli Gare do Oriente. A escolha do caso baseou-se em duas razões essenciais: (i) porque se enquadrava nas características exigidas para o estudo e (ii) devido à disponibilidade e abertura demonstrada pela Técnica de Qualidade Ambiente e Segurança (QAS) do hotel. O estudo envolveu, entre outras fontes, (i) uma visita às instalações, possibilitando o contacto directo com a realidade em estudo, (ii) a análise de artigos de jornal e estudos disponíveis na Internet referentes ao Hotel, e (iii) a análise de documentos internos. Contudo, a fonte mais importante de informação adveio da realização de uma entrevista pessoal semi-estruturada levada a cabo com a Dra. Ângela Reis Técnica QAS do Hotel Tivoli Oriente. A investigação conduzida mostra que, numa fase inicial, o processo de implementação do SGQ foi objecto de resistência por parte dos colaboradores, embora, assim que surgiram as primeiras dificuldades, essas foram rapidamente ultrapassadas através de acções de sensibilização e consciencialização. O caso aqui analisado mostra o exemplo de uma organização que não se limita a implementar um SGQ e a encará-lo como definitivo, motivada por razões de natureza essencialmente interna relacionadas com melhorias significativas ao nível da eficiência e flexibilidade dos seus processos e consequente melhoria respeitante ao serviço prestado. O Hotel Tivoli procurou ir mais além do mero cumprimento de um conjunto de requisitos, encarando os princípios da qualidade patentes na ISO 9000, nomeadamente, a focalização no cliente, a liderança, o envolvimento das pessoas, a abordagem por processos, a abordagem da gestão como um sistema, e a melhoria continua, como linhas orientadoras para uma efectiva aposta de uma estratégia pautada pela melhoria continua da qualidade.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3154
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de mestre em Marketing
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO VERSÃO FINAL.pdf1,24 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.