Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3239
Título: Ritmo circadiano no plexo coroideu: influência das hormonas sexuais
Autor: Sousa, Cláudia Marisa Fernandes
Orientador: Santos, Cecília
Quintela, Telma
Palavras-chave: Ritmo circadiano
Ritmo circadiano -- Núcleo supraquiasmático
Ritmo circadiano -- Plexo coroideu -- Hormonas sexuais
Genes clock
Data de Defesa: 2013
Resumo: Os ritmos circadianos são controlados por um relógio central, o núcleo supraquiasmático (SCN) do hipotálamo. A nível molecular, o sistema circadiano é composto por circuitos de feedback de transcrição e tradução que envolvem vários genes da via do ritmo circadiano. Os ritmos circadianos são observáveis numa variedade de tecidos periféricos em todo o corpo. Estudos em animais sugerem que o ciclo circadiano é modulado pelas hormonas sexuais, sobretudo pelos esteroides ováricos em fêmeas. Estes efeitos hormonais na ritmicidade circadiana são conhecidos, no entanto, o que falta é a compreensão clara de como o SCN integra essas influências hormonais. Um estudo de microarrays de cDNA, realizado anteriormente pelo nosso grupo de investigação, mostrou que os genes do ritmo circadiano são expressos no plexo coroideu (CP) de rato. Neste trabalho, confirmou-se a presença de alguns genes da via do ritmo circadiano, particularmente BMAL1, CLOCK, Cry 1, Cry 2, Per 1, Per 2 e Per 3 no CP de rato. A expressão dos genes do ritmo circadiano no CP de ratos fêmeas e machos foi analisada por PCR em tempo real. No CP, a expressão rítmica do BMAL1 nos machos, Cry2 nas fêmeas, CLOCK e Per1 nos machos e fêmeas foi considerada não significativa. Pelo contrário, a expressão de mRNA de BMAL1 nas fêmeas, Cry2 nos machos e do Per2 nos machos e nas fêmeas apresentaram ritmicidade significativa. Concluiu-se que, o CP de rato expressa todos os genes do ritmo circadiano estudados, o que sugere que este tecido seja um oscilador extra-SCN. Como os esteroides sexuais atuam noutros osciladores extra-SCN por vias indiretas e diretas é possível que o CP possa contribuir para a interpretação dos estímulos hormonais, atuando como um local extra-SCN que participe numa via indireta da passagem desta informação para o oscilador central.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3239
Designação: Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para a obtenção do grau de Mestre em Bioquímica
Aparece nas colecções:FC - DQ | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Cláudia Sousa.pdf2,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.