Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3290
Título: Relatório de estágio pedagógico : Escola Secundária Frei Heitor Pinto
Autor: Santos, Maria de Fátima Ferreira dos
Orientador: Martins, Júlio
Palavras-chave: Prática desportiva - Ensino secundário
Educação Física - Estágio pedagógico
Data de Defesa: Jun-2012
Resumo: Capítulo 1. O presente documento insere-se no âmbito do Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário da Universidade da Beira Interior. Descreve e analisa as atividades letivas e não letivas desenvolvidas durante o estágio pedagógico, tendo esta abrangido três grandes áreas de atuação, a lecionação das aulas, a direção de turma e o desporto escolar. A componente letiva decorreu com quatro turmas de ensino secundário, a direção de turma com a turma 10ºF do Curso Tecnológico de Desporto e no desporto escolar colaborei como grupo equipa de futsal.O estágio foi realizado na Escola Secundária Frei Heitor Pinto, sendo o orientador desta instituição o Professor Carlos Elavai Vieira e com o suporte do Departamento da Universidade da Beira Interior através do Professor Doutor Júlio Martins.No término deste relatório, apontarei os aspetos positivos e negativos deste estágio assim como recomendações e considerações finais. Capítulo 2. O presente estudo propõe-se estudar a população de ensino secundário de uma escola da cidade da Covilhã na componente flexibilidade da aptidão física, assim com a diferença entre estudantes relativamente à prática de atividade física para além das aulas de educação física. Foram avaliados 196 alunos, dos quais 94 alunos são do género feminino (idade: 16,5±1,1 anos) e 102 alunos do género masculino (idade: 16,43±1,06 anos). Foi aplicado o questionário adaptado de Carreiro da Costa, F. & Góis M. (2000), com vista a estudar os estilos de vida da amostra assim como a sua participação nas diversas atividades desportivas, seja de âmbito escolar ou extra curriculares. O grupo avaliado foi sujeito a cinco testes de flexibilidade da bateria de testes do Fitnessgram: extensão de tronco, senta e alcança lado direito e esquerdo e flexibilidade de ombro direito e esquerdo. Foi utilizado o teste do qui quadrado para avaliar as diferenças entre os grupos. Da aplicação destes testes, podemos perceber que são os rapazes que realizam mais atividades físicas que as raparigas e que é ao nível da flexibilidade dos músculos posteriores da coxa que os alunos praticantes de outras atividades físicas para além das aulas de educação física têm uma diferença significativa ao nível desta componente. As raparigas praticantes de atividade física extra aulas de educação física também possuem uma diferença significativa ao nível da flexibilidade do ombro direito. A maior parte dos alunos possuem flexibilidade no ombro direito tendo em conta a zona saudável de aptidão física no entanto, ao nível da flexibilidade dos músculos posteriores da coxa, cerca de metade da amostra não atinge esta zona.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3290
Designação: Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatório.pdfDocumento principal895,57 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.