Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3297
Título: Jornalismo participativo : tecnologia, comunicação e o papel do jornalista
Autor: Rodrigues, Catarina
Orientador: Canavilhas, João
Edo, Concha
Palavras-chave: Jornalismo
Jornalismo on-line
Jornalismo - Participação do cidadão
Web 2.0 - Participação do cidadão
Data de Defesa: Out-2013
Resumo: A participação dos cidadãos no processo noticioso lança desafios ao jornalismo e leva a repensar conceitos determinantes como a mediação e o gatekeeping. Produzir e consumir informação, experiências que antes estavam bem definidas, confundem-se agora numa ambivalência que levou a designações como produser (Bruns, 2008) e prosumer (Jenkins, 2008). Os gatewatchers (Bruns, 2005) impõem-se aos tradicionais gatekeepers e a visibilidade dos temas pode ser determinada pelos utilizadores (Singer, 2013) num espaço público cada vez mais fragmentado. Um dos caminhos seguidos pelos jornais online passou por criar secções dedicadas à publicação de conteúdos gerados pelos utilizadores, uma possibilidade que aparece identificada com o “jornalismo do cidadão” (Gillmor, 2005; Rosen, 2008; Thurman, 2008) ou “jornalismo participativo” (Bowman and Willis, 2003; Domingo et al, 2007; Singer et al, 2011), entre outros conceitos que identificam práticas semelhantes no contexto da web 2.0. Este trabalho passa por analisar as características do conteúdo publicado pelos cidadãos nos espaços que os seguintes jornais online de Portugal e Espanha proporcionam: Correio da Manhã, Diário de Notícias, jornal i, Jornal de Notícias, El País, El Mundo e La Vanguardia. Verificar se existem elementos característicos da prática jornalística, ou seja, se os cidadãos fazem jornalismo nos espaços denominados “jornalismo cidadão”, é um dos nossos principais objectivos. Os resultados assinalam que os conteúdos observados não se identificam com os procedimentos básicos do jornalismo, fundamentais para garantir a credibilidade da informação. A capacidade dos cidadãos para participar no processo noticioso poderia revigorar a esfera pública (Haas, 2007; Papacharissi, 2009; Hermida, 2011), mas essa ideia, bem como os desafios ao jornalismo tradicional apresentados por este tipo de práticas, estão ainda longe de cumprir as promessas iniciais.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3297
Designação: Doutoramento em Ciências da Comunicação
Aparece nas colecções:FAL - DCA | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
catarina-rodrigues-jornalismo-participativo.pdfDocumento principal1,43 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.