Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3314
Título: Avaliação das competências dos professores de educação física para reagir a situações de emergência durante as aulas
Autor: Oliveira, Ricardo Filipe dos Santos
Orientador: Esteves, Dulce
Palavras-chave: Professor de educação física - Avaliação de competências
Professor de educação física - Primeiros socorros
Professor de educação física - Acidentes desportivos
Data de Defesa: Jun-2012
Resumo: As aulas de educação física envolvem momentos em que os alunos realizam atividades nas quais podem ocorrer acidentes. Os professores de educação física são primeiros agentes a atuar no caso de um aluno de lesionar, pelo que é importante que possuam competências para agir de forma adequada à situação. Esta investigação tem como objetivos (1) avaliar o conhecimento dos Professores de Educação Física para reagir a situações de emergência durante as aulas e (2) avaliar o efeito de alguns fatores sobre essas competências. Para tal recolheram-se informações de 284 professores de Educação Física (57,7% homens e 41,9% mulheres, 37,6± 7,1 anos; 67,9% detentores de Licenciatura, 28,8% de Mestrado, 1,7% de Doutoramento correspondendo a 4,4% total dos professores que lecionam nível nacional), através da aplicação de um questionário especialmente desenhado para esta investigação. Os resultados obtidos mostram que apenas 19,1% dos professores têm um bom nível de conhecimento teórico e 49,3% um bom nível de conhecimento operacional para agir em situações de emergências durante as aulas. A idade não altera os níveis de conhecimento para reagir em situações de emergência. A perceção do conhecimento influencia o conhecimento operacional. A procura de conhecimento é transversal a todos os níveis de conhecimento. O nível de conhecimento operacional é afetado pelas habilitações literárias: quanto maior as habilitações literárias maior o conhecimento operacional. As fontes de informação que mais influenciaram os professores de educação física e que afetam positivamente o nível de conhecimento operacional foram médicos, enfermeiros, as redes sociais afetam negativamente o conhecimento operacional. Conclui-se que o nível de conhecimento dos professores de educação física não é suficiente, tornando-se evidente a necessidade de criar medidas para combater esta falta de conhecimento ao nível dos 1ºsocorros.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3314
Designação: Mestrado em Ciências do Desporto
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Ricardo_Oliveira.pdfDocumento principal872,91 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.