Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3357
Título: A influência dos níveis de aptidão física, IMC e obesidade em alunos dos 10 aos 11 anos
Autor: Silva, Rui Adolfo Ferreira da
Orientador: Martins, Júlio
Palavras-chave: Educação física - Desporto escolar
Educação física - Alunos - Aptidão física
Educação física - Alunos - Composição corporal
Educação física - Alunos - Fitnessgram
Educação física - Índice de massa corporal (IMC) - Género
Educação física - Obesidade
Data de Defesa: Jun-2013
Resumo: Objetivo: O propósito do presente estudo foi verificar a influência dos níveis de Aptidão Física (ApF), IMC e Obesidade em alunos dos 10 aos 11 anos de idade, de ambos os sexos e por grupos, isto é, alunos que só praticam Educação Física (G₁), alunos que praticam Educação Física e Desporto escolar (G₂) e alunos que praticam Educação Física e Desporto Federado (G₃). Metodologia: A amostra foi constituída por 293 alunos (113 raparigas e 180 rapazes) com idades compreendidas entre os 10 e os 11 anos, sendo dividida pelos seguintes grupos: G₁ com 98 alunos que apenas realizam aulas de Educação Física (EF); G₂ com 94 alunos praticantes de Educação Física (EF) e Desporto Escolar (DE); G₃ com 101 alunos praticantes Educação Física (EF) e Desporto Federado (DF). Os dados foram obtidos a partir da informação recolhida pelos professores nas aulas de Educação Física e da bateria de testes do Fitnessgram. Os procedimentos estatísticos utilizados foram efetuados através do programa “IBM-SPSS versão 20.0” (IBM Corp, EUA). Foi realizada análise descritiva da amostra, com recurso à média e desvio padrão em cada grupo. Para comparar os grupos, foi utilizado o teste não-paramétrico Us Mann-Whitney para uma amostra independente. As comparações entre os vários grupos G₁ (EF), G₂ (EF+DE) e G₃ (EF+DF) foram efetuados por análise da variância não paramétrica (Kruskal-Wallis). Posteriormente, para verificar se houve evolução entre recolhas, realizou-se o teste não paramétrico Wilcoxon para amostras emparelhadas. O nível de significância foi estabelecido a 0,05. Resultados: Os resultados mostraram que os rapazes evidenciaram melhores índices de ApF nos testes “Milha”, “Abdominais” e “Extensões de Braços”, enquanto que as raparigas demonstraram ser melhores nos testes associados à flexibilidade, nomeadamente “Senta e Alcança Direita” e “Senta e Alcança Esquerda”. Em ambos os géneros e grupos, os testes “Abdominais” e “Extensões de Braços” foram aqueles que reuniram a maior taxa de insucesso. Os restantes testes revelaram alguma taxa de sucesso, mas pouco significativa. Em termos de grupos, os alunos do G₃ são aqueles que apresentam melhores resultados que qualquer outro grupo. Pelo contrário, os alunos do G₂ são aqueles que apresentam as maiores taxas de insucesso. Na CC, no sexo feminino, todos os grupos apresentaram os seus valores médios de IMC “Dentro da ZSApF”, à exceção das alunas de 10 anos no G₃, das alunas com 11 anos no G₁ e das alunas do G₂ com a mesma idade, mas só na 2ª recolha. No sexo masculino, todos os tipos de praticantes apresentaram os valores médios “Dentro da ZSApF”, exceto no G₂ para os alunos de 11 anos e na 1ª recolha. Na ApF, nas raparigas, as alunas do G₂ são as que apresentam os melhores resultados mais elevados em todos os testes, ao contrário das alunas do G₁ e do G₃. Nos rapazes, os alunos do G₁ e G₃ foram os que revelaram os melhores resultados em todos os testes, ao contrário dos alunos do G₂ que apresentaram os piores resultados. Conclusão: Os alunos que praticam modalidade(s) desportiva(s) para além das aulas de Educação Física (G₃), apresentam melhores resultados na bateria de testes do Fitnessgram, em ambos os sexos.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3357
Designação: Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A INFLUÊNCIA DOS NÍVEIS DE APTIDÃO FÍSICA, IMC E OBESIDADE EM ALUNOS DOS 10 AOS 11 ANOS.pdfDocumento principal1,31 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.