Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3513
Título: Identificação, seleção, promoção, orientação de talentos desportivos no Futebol : uma revisão qualitativa
Autor: Rodrigues, Nuno Filipe Miranda Reis
Orientador: Costa, Aldo Filipe Matos Moreira Carvalho da
Carvalho, Pedro Guedes de
Palavras-chave: Talento desportivo - Modelos de identificação
Talento desportivo - Modelos de selecção
Futebol - Prospecção de atletas - Metodologias
Data de Defesa: Out-2013
Resumo: A identificação e desenvolvimento de talentos é um campo recorrente de investigação no desporto. No entanto, o talento continua a ser notoriamente difícil de definir. É comum o entendimento de que talento é composto por dois componentes principais – as características inatas/genéticas e as habilidades aprendidas, havendo pouco consenso no que diz respeito ao facto de quais são os fatores que dominam. O objetivo do presente trabalho foi efetuar uma revisão da literatura do tipo qualitativa acerca do significado do conceito talento desportivo e da importância do recurso a critérios científicos fundamentados na prospeção de atletas possuidores de talento em particular para modalidade de futebol. Foram abordadas questões relativas à origem e definição do conceito de talento desportivo, os modelos gerais de referência na identificação, selecção, orientação e promoção de talentos desportivos, bem como as principais indicações metodológicas neste contexto para a modalidade de futebol. O talento desportivo é sugerido como um conceito altamente dinâmico que depende não só das condições endógenas do atletas mas sobretudo da adequação do contexto onde se desenvolve todo o processo sistemático de preparação desportiva. Alguns dos modelos de identificação e selecção são baseados na aproximação cibernética do desempenho desportivo, dissociados da dinâmica comportamental do atleta e do contexto social que o envolve (modelos ecológicos). De facto, os mecanismos das evidências de pesquisa que existem para sugerir a identificação do talento, baseiam-se sobre os atributos físicos (antropométricos e de aptidão) do jovem atleta, nem sempre relativizados ao seu estádio maturacional, que só permitem prever com uma margem de erro considerável o desempenho futuro com base nos níveis de desempenho atuais. Na modalidade de futebol os modelos mais recentes vão no sentido de apontar três formas fundamentais, nomeadamente o sistema natural ou piramidal, o sistema seletivo e o sistema de inversão de talentos já confirmados. Embora esta temática tenha sido amplamente estudada, o conhecimento ainda é insuficiente para a correta prognose do rendimento futuro do jovem atleta. Urgem estudos de carácter longitudinal, de maior paridade entre géneros, agregando modelos multidisciplinares de avaliação do perfil do talento para cada modalidade e em paralelo com a evolução do desempenho desportivo.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3513
Designação: Mestrado em Ensino da Educação Física nos Ensinos Básicos e Secundário
Aparece nas colecções:FCSH - DCD | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Identificação, Seleção, Promoção, Orientação dos Talentos Desportivos no Futebol – Uma Revisão Qu.docDocumento principal371,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.