Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3574
Título: O desempenho reológico e mecânico de argamassas de revestimento reforçadas com fibras
Autor: Pereira, Ricardo Jorge Pires
Orientador: Oliveira, Luiz António Pereira de
Palavras-chave: Argamassas de revestimento
Argamassas de revestimento - Comportamento mecânico
Argamassas de revestimento - Reologia
Argamassas de revestimento - Fibras acrílicas
Argamassas de revestimento - Retracção
Argamassas de revestimento - Ligantes
Data de Defesa: 2011
Resumo: Com o objectivo de evitar anomalias nas argamassas de revestimento, muitos investigadores têm procurado soluções para que isso não aconteça. Como tal, a adição de fibras acrílicas em argamassas pode ser vista como uma boa solução para que se evite muitas das anomalias que normalmente aparecem em matrizes cimentícias, sobretudo aquelas advindas das deformações nas primeiras idades. Foi com esse intuito que se levou a cabo este trabalho de estudar o desempenho reológico e mecânico de argamassas de revestimento reforçadas com adição de fibras acrílicas. Um plano factorial experimental 23 foi desenvolvido tendo em conta o comprimento, diâmetro e o volume de fibras como variáveis independentes. Este plano experimental foi realizado a partir de uma matriz cimentícia com traço 1:3 (cimento/areia) e uma relação de 0,5 água/cimento, adicionaram-se diferentes tipos de fibras acrílicas em que se fez variar o comprimento, o diâmetro e o teor de fibras adicionados. Com o intento de ser possível estudar a reologia das argamassas de revestimento, foi ensaiada uma nova matriz cimentícia, com agregados mais finos e com um traço 1:0,5 (cimento/areia) e uma relação água/cimento de 0,4. O comportamento reológico das argamassas no estado fresco foi avaliado através dos ensaios de espalhamento (Flow Table) e através do reómetro Viskomat NT para determinação dos parâmetros relacionados a tensão de cedência e a viscosidade plástica. Para a avaliação do comportamento mecânico foram realizados ensaios no estado endurecido relativos à resistência à flexão e à compressão, ao módulo de elasticidade dinâmico, à retracção livre, à massa volúmica e à absorção de água por capilaridade. Como resultados, verificou-se que a adição de fibras acrílicas na matriz cimentícia original influência a reologia das argamassas devido às suas características geométricas, visto que ao serem introduzidas na matriz, modificam fortemente as características da matriz cimentícia original. Constatou-se assim que a adição de fibras que apresentam uma relação l/d muito elevada, apresentam uma menor trabalhabilidade. A resistência à flexão é influenciada pelo comprimento e volume das fibras, enquanto a resistência à compressão sofre influência da relação l/d. A absorção de água por capilaridade é sensivelmente influenciada pelo volume de fibras e pela interacção entre o comprimento, o diâmetro e o volume das fibras. Já o módulo de elasticidade dinâmico é mais fortemente influenciado pelo volume de fibras. Com a aplicação do Método dos Planos Experimentais foi possível identificar os factores mais influentes nas propriedades estudadas e elaborar modelos matemáticos de previsão de comportamento da argamassa reforçada com fibras acrílicas.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3574
Designação: Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Civil
Aparece nas colecções:FE - DECA | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Capa.pdf37,68 kBAdobe PDFVer/Abrir
Indices.pdf94,5 kBAdobe PDFVer/Abrir
Capítulos.pdf3,88 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.