Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/3853
Título: O comportamento de compra dos consumidores de produtos de moda em cadeias fast fashion
Autor: Robalo, Zélia Ziza de Sousa Alves
Orientador: Azevedo, Susana Maria Palavra Garrido
Palavras-chave: Consumidores - Comportamento - Produtos de moda
Data de Defesa: 2008
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: Na envolvente actual, sendo a moda uma temática cada vez mais presente na vida das pessoas e sabendo que as cadeias de fast fashion são cada vez mais uma opção de compra por parte dos consumidores, parece de maior importância desenvolver esta dissertação. Assim, este trabalho tem por objectivo estudar o comportamento de compra do consumidor de moda em cadeias de fast fashion, nomeadamente conhecer o seu perfil, identificar os factores que mais influenciam a decisão de compra dos consumidores de moda, saber quais são os principais factores que os levam a fazer compras em lojas de fast fashion e compreender como o seu nível de conhecimento relativamente à associação das marcas de fast fashion a designers de renome influencia o seu comportamento de compra. No sentido de alcançar os objectivos propostos, elaborou-se um estudo a uma amostra de 106 indivíduos. Dos dados recolhidos pelo questionário, conclui-se que estes são indivíduos que se preocupam com a sua aparência, que compram vestuário para se sentirem mais seguros e atractivos, que investem uma quantidade considerável do seu rendimento em produtos de moda e que a grande maioria frequenta lojas de fast fashion. Relativamente aos factores que influenciam a sua decisão de compra, o preço continua a ser o que mais se destaca, nomeadamente os preços acessíveis praticados pelas cadeias de fast fashion. A análise dos dados parece confirmar que, o facto de as lojas fast fashion se associarem a designers de renome, não parece ser um factor suficientemente forte para levar os consumidores a comprar mais neste tipo de lojas, visto esta associação ser percepcionada por uma minoria da amostra. Contudo, a explicação para este comportamento pode estar no facto da amostra ser essencialmente constituído por pessoas residentes em cidades médias, onde as cadeias de fast fashion não têm os corners com as colecções dos designers de renome, o que só acontece nas grandes cidades e áreas metropolitanas. Mesmo assim, esta conclusão é importante, pois permite observar as diferentes estratégias das cadeias fast fashion para conquistar e fidelizar diferentes segmentos de mercado.
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/3853
Aparece nas colecções:FCSH - DGE | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE FINAL - Zélia Robalo.doc2,12 MBMicrosoft WordVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.