Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/4309
Título: Do fragmento à pedra filosofal: a alquimia de Casimiro de Brito
Autor: Mancelos, João de
Palavras-chave: Casimiro de Brito
D. H. Lawrence
Haiku
Imagismo
Poesia portuguesa contemporânea
Fragmento
Telegramas
Data: 2006
Editora: Centro de Línguas e Culturas, Universidade de Aveiro
Citação: Mancelos, João de. “Do fragmento à pedra filosofal: A alquimia de Casimiro de Brito”. Forma Breve (Centro de Línguas e Culturas, Universidade de Aveiro) 4 (2006): 183-190. ISSN: 1645-927X.
Resumo: Casimiro de Brito é um dos mais prolíficos e inspirados poetas portugueses contemporâneos. A sua produção literária é sobretudo composta por fragmentos, revelando a influência dos aforismos gregos, dos haikai japoneses, e da poesia imagista anglo-americana. Neste ensaio, a) analiso a forma como Brito apropria e reconstrói essas formas breves na sua obra Telegramas (1959); b) pondero o poder estético e plurissignificativo da ausência nos seus fragmentos voluntários; c) discuto o modo como o escritor constrói uma rede de sentidos possíveis ao recorrer à repetição de determinados termos/conceitos, no mesmo texto ou em diferentes poemas de Telegramas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/4309
ISSN: 1645-927X
Aparece nas colecções:FAL - DCA | Documentos por Auto-Depósito

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
dofragmentoapedrafilosofal.pdf480,57 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.