Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/691
Título: Património Arquitectónico Cisterciense: um contínuo testemunho
Autor: Martins, Ana Maria Tavares Ferreira
Palavras-chave: Património
Arquitectura cisterciense
Data: 2011
Editora: LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil
Citação: MARTINS, Ana Maria Tavares; Património Arquitectónico Cisterciense: um contínuo testemunho in “Actas do Simpósio Património em Construção – Contextos para a sua preservação, no centenário da Lei de Reorganização dos Serviços Artísticos e Arqueológicos”; LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil; pp. 25-32 (ISBN: 978-972-49-2231-7)
Resumo: A Ordem de Cister foi introduzida, no nosso país, no séc. XII e os seus mosteiros estiveram desde o início associados ao desenvolvimento de Portugal enquanto nação. A história do Património cisterciense português confunde-se com a própria história de Portugal. Actualmente, Portugal faz parte da ‘Carta Europeia dos Mosteiros e Sítios Cistercienses’, desde 2009, sendo representado pelos Mosteiros de Alcobaça, Arouca, S. Cristóvão de Lafões, Salzedas e Tabosa. Consequentemente, o património arquitectónico cisterciense nacional, faz igualmente parte da ‘Rota Europeia das Abadias Cistercienses’ à qual foi atribuída, em 2010, a menção ‘Itinerário Cultural do Conselho da Europa’.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/691
ISBN: 978-972-49-2231-7
Aparece nas colecções:FE - DECA | Documentos por Auto-Depósito

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A_MARTINS_LNEC.pdf306,54 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.