Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/740
Título: Modificações do perfil lipídico induzidas por um regime hipoglucídico
Autor: Aleixo, Ana Rita Reis
Palavras-chave: Dieta hipoglucídica
Perfil lipídico - Risco cardiovascular
Obesidade
Lipoproteínas
Colesterol total
Regime hipoglucídico - Obesidade
Data de Defesa: Jun-2008
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: Existem actualmente inúmeras ideias contraditórias no que concerne à eficácia e segurança de algumas abordagens terapêuticas alternativas para o controle da obesidade e suas comorbilidades. Com esta Monografia pretendeu-se fazer uma revisão bibliográfica do impacto de um Regime Hipoglucídico, uma das terapêuticas menos convencionais mais em voga, no Perfil Lipídico, um dos parâmetros constituintes do Risco Cardiovascular. Os principais objectivos foram 1) a sistematização das alterações que ocorrem no perfil lipídico, 2) avaliar se as alterações vão no sentido de uma melhoria do perfil lipídico e, consequentemente, da diminuição do risco cardiovascular e se 3) são mais eficazes na melhoria do perfil lipídico do que as induzidas por uma dieta hipolipídica. Pretendeu-se ainda fazer uma breve revisão sobre a obesidade e as suas abordagens terapêuticas, bem como sobre as dietas hipoglucídicas. Para isso, efectuou-se uma pesquisa electrónica no PubMed, Medline, Medscape, Google Scholar e Cochrane, e em alguns sites das principais entidades nacionais e internacionais relacionadas com a obesidade, tendo-se seleccionado 83 artigos para a elaboração desta tese. Após a análise destes observou-se que os regimes hipoglucídicos provocam a redução acentuada dos triacilgliceróis (TAG), o aumento do HDL e alterações do tipo das partículas de LDL de pequenas e densas para grandes e leves, pelo que se conclui serem de facto eficazes na melhoria do perfil lipídico. Observou-se ainda que esta eficácia aumenta se o regime hipoglucídico se caracterizar também por ser hipocalórico, com baixo teor de lípidos (os quais devem ser predominantemente monoinsaturados) e alto teor proteico, e ainda com suplementação de ácidos gordos essenciais. Observou-se que as dietas hipoglucídicas são descritas como tão ou mais eficazes do que as hipolipídicas na melhoria do perfil lipídico, num regime hipoglucídico que não contenha uma elevada percentagem de gordura. Num contexto a curto-prazo, estes regimes são descritos como eficazes e seguros. Concluise, assim, que é razoável sugerir um regime hipoglucídico como alternativa para alguns indivíduos que necessitam de melhorar o perfil lipídico. É, todavia, essencial que exista um acompanhamento especializado durante todo o processo. É também imperativa a realização de estudos que avaliem os benefícios na diminuição da aterogenicidade lipídica e a segurança destas dietas a longo-prazo, por ser uma área com muito pouca evidência acumulada.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/740
Aparece nas colecções:FCS - DCM | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
1. Capa e Contracapa.pdfCapa e Contracapa151,65 kBAdobe PDFVer/Abrir
2 - Citação.pdfCitação47,82 kBAdobe PDFVer/Abrir
3 - Abstract, Resumo.pdfAbstract, Resumo76,36 kBAdobe PDFVer/Abrir
4 - Agradecimentos.pdfAgradecimentos53,69 kBAdobe PDFVer/Abrir
5 - Abreviaturas.pdfAbreviaturas36,11 kBAdobe PDFVer/Abrir
6 - Índice.pdfÍndice69,22 kBAdobe PDFVer/Abrir
7 - Introdução.pdfIntrodução82,26 kBAdobe PDFVer/Abrir
8 - Desenvolvimento.pdfDesenvolvimento391,98 kBAdobe PDFVer/Abrir
9 - Conclusões.pdfConclusões83,79 kBAdobe PDFVer/Abrir
10 - Bibliografia.pdfBibliografia100,72 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.