Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.6/813
Título: Lesões por armas de fogo : aspectos terapêuticos e medico-legais
Autor: Mendes, Inês Filipa Pereira de Abreu
Palavras-chave: Lesões - Armas de fogo
Lesões - Balística forense
Armas de fogo - Lesões - Aspectos médico-legais
Armas de fogo - Lesões - Aspectos terapêuticos
Armas de fogo - Lesões - Suicídio
Armas de fogo - Lesões - Homicídio
Data de Defesa: Ago-2008
Editora: Universidade da Beira Interior
Resumo: A incidência de crimes violentos tem aumentado nas últimas décadas; paralelamente, as lesões por armas de fogo (LAF) têm-se tornado cada vez mais frequentes, principalmente em meios urbanos (Benato et al, 2007). Este trabalho é o resultado de uma revisão bibliográfica que avaliou os procedimentos terapêuticos e médico-legais em LAF. Fez-se uma revisão da correcta adordagem de uma vítima de LAF enquanto vítima de trauma e descrevem-se ainda quais as indicações/contra-indicações gerais e específicas (dependendo do local da lesão) para a extracção de projécteis e a avaliação dos aspectos médico-legais de vítimas de disparos por armas de fogo. Neste enquadramento são apresentados 5 casos de LAF, nos quais se discute a sua avaliação médico-legal ou os aspectos terapêuticos relacionados. Foram pesquisados artigos, em inglês, português, espanhol e italiano, publicados até 2008, utilizando revistas científicas, bem como através de motores de busca disponíveis na internet (como por exemplo o Google e o Pubmed). Foram utilizados ainda tratados de medicina, cirurgia e medicina legal como complemento desta revisão teórica. A sua análise sugere que a avaliação clínica da vítima de LAF deve ser individualizada, dependendo da localização da lesão, dos principais danos que o projéctil provoca no alvo humano e do impacto de tais lesões na qualidade de vida do doente. Numa perspectiva médico-legal, a avaliação de mortes por armas de fogo requer um cuidadoso exame do local, uma boa compreensão das lesões, detecção química de resíduos de pólvora e sua distribuição, localização dos orifícios de entrada (OE) e orifícios de saída (OS), detecção do projéctil e possíveis fragmentos, o seu trajecto, as lesões produzidas assim como a causa de morte, entre outros aspectos. Por ser causa relativamente frequente de recurso a urgências hospitalares, torna-se fundamental que qualquer médico tenha noções básicas da actuação em vítimas por armas de fogo.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.6/813
Aparece nas colecções:FCS - DCM | Dissertações de Mestrado e Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LAF. InêsAbreuMendes.docx5,45 MBMicrosoft Word XMLVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.